terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

ÚRANO EM TRÂNSITO PELA 9ª CASA




Tentamos expressar os nossos ideais e realizar os nossos sonhos, fora dos caminhos trilhados. Sentimo-nos possuídos de maneira imprevista por novos pensamentos, novos conceitos que nos incitam à evasão e à viagem, ao exterior ou ao interior de nós mesmos. O conhecimento de novos espaços geográficos e humanos estimula-nos e faz-nos progredir espiritual, psicológica e socialmente. Deste modo sofremos uma profunda evolução.
Estaremos expostos a crenças, ideias e filosofias que são inusuais, de avançadas ou radicalmente diferentes das nossas. A menos que mantenhamos a mente aberta e o nosso pensamento flexível, este pode ser um período perturbador no qual a nossa maneira completa de ver o mundo é desafiada e posta ao avesso.
Durante este trânsito, a religião tradicional e o acreditar em algo porque as autoridades ou os especialistas nos dizem que é assim, exercem pouca atração para nós. Estaremos descobrindo as nossas próprias verdades e pode haver muito poucas similitudes entre estas novas verdades e as crenças que temos mantendo até agora.
Em aspeto dissonante, evitemos isolar-nos fora do mundo real. Demasiado seduzidos por o novo e o exótico, corremos o risco de não poder assumir as exigências da vida cotidiana e de perder parte da nossa identidade. Evitemos pois, querer ser originais a todo o custo e impor as nossas  excêntricas conceções. As loucas aventuras em que desejamos lançar-nos podem dececionar-nos.
A Casa 9 descreve a nossa procura de significado, e dos ideais e preceitos sobre os quais podemos basear as opções que temos que fazer na existência cotidiana. É aqui onde buscamos as diretrizes e os objetivos que nos ajudaram a manter o rumo na nossa vida.
Quando Úrano transita por esta casa, a nossa visão do mundo e a nossa maneira de enfocar a vida deixam de ser as mesmas; a nossa filosofia de vida e as nossas atitudes e crenças religiosas podem alterar-se radicalmente sob a influência deste trânsito. É possível que os cristãos devotos comecem a questionar algumas das doutrinas básicas da sua religião, e que experimentem pela primeira vez uma crise de fé, que pode manifestar-se como a "rebeldia" Uraniana, como uma incapacidade de seguir aceitando a autoridade da Igreja. Os ateus recalcitrantes, talvez descubram Deus ou tenham a vivência súbita de uma revelação mística ou de uma intuição que os ilumina sobre o sentido da vida. De uma maneira ou de outra, o nosso sistema de crenças predominante ver-se-á posto à prova por ideias e conceitos novos que não se adaptam facilmente ao antigo marco.
Pode ser que tudo suceda repentinamente: a meio da noite despertamos com uma visão, ou escutamos uma conferência ou lemos um livro que revoluciona o nosso pensamento ou, para ser exatos a nossa fé. Um encontro ou contato por azar com uma pessoa muito especial deixa-nos atordoados, vacilantes, e embora já não vejamos o mundo da mesma maneira que antes, é provável que (como dizia Blake) "vejamos o mundo num grão de areia". E não é questão de tomar de ânimo leve estas mudanças na própria filosofia. Quando o nosso sistema de crenças se altera, também mudam os nossos valores. E quando os nossos valores mudam, o tipo de opções que fazemos em relação com a forma de manejar a nossa vida tampouco será o mesmo. Por esta razão, quando Úrano está transitando pela nossa Casa 9, a direção que temos vindo a seguir pode alterar-se radicalmente.
A educação superior é outra inquietação da Casa 9. Tive vários clientes que durante este trânsito alteraram o curso dos seus estudos: alguns passaram-se das ciências para as letras, outros das letras para as ciências. Podemos ter começado como estudantes de filosofia, podemos terminar graduados em informática. Sob a influência deste trânsito é provável que decidamos prosseguir a nossa educação de forma não convencional ou matricular-nos num curso que nalgum sentido saia do comum. Talvez nos convertamos num rebelde da escola e empreendamos a luta em prol de mudanças no sistema educativo ou político da nossa universidade. Talvez tenhamos visões, ideias e conceitos novos para contribuir no ramo do conhecimento ou no campo da educação.
Também as viagens têm cabimento na Casa 9 e um trânsito de Úrano pode trazer experiências inesperadas ou excecionais nas longas viagens. Visitamos um país pensando em passar ali uma semana e terminamos ficando a viver nele; ou ainda, enquanto viajamos, conhecemos pessoas e tropeçamos com situações que introduzem uma mudança espetacular na nossa vida. Também os planos se podem desbaratar; dirigimo-nos para um destino e terminamos noutro, ou os lugares que visitamos podem tornar-se insólitos ou fora do comum. Em todo o caso, ao voltar já não somos a mesma pessoa que havia partido.
Dado que a influência de Úrano é imprevisível e gera comportamentos erráticos, quando este planeta transita por esta Casa os nossos planos para o futuro disparam em qualquer direção: começamos com certos objetivos, mas terminamos com outros totalmente distintos. Em qualquer momento pode dar-nos um relâmpago de intuição, uma imagem ou visão interior que nos diga o que é que "temos" de fazer com a nossa vida e qual é a direção que devemos seguir para chegar a esse objetivo. Algumas dessas visões ou inspirações podem ser úteis e profundas, mas outras são obra do disparate e não dão em nada. Os aspetos que forma Úrano enquanto transita pela Casa 9 podem ajudar-nos a esclarecer até onde são de fiar as nossas revelações.
Se em trânsito, Úrano forma um aspeto difícil com Mercúrio, Júpiter ou Neptuno natal, será prudente que refletamos muito cuidadosamente sobre as ideias que nos acometem como "caidas do céu". No entanto, durante este trânsito as nossas convicções e crenças impõem-se-nos com tal força que ninguém será capaz de convencer-nos de que vale mais arrancá-las com pinças. Convém recordar que há muitas maneiras diferentes de encontrar a verdade e de dar significado à vida, e que cada uma delas contribui para o bem da comunidade. Se nos ocorre dar caráter absoluto a nossa particular visão da verdade, estamo-nos encerrando num ângulo muito reduzido. Afortunadamente, se está Úrano em dança, é improvável que nos dê muita margem para seguirmos muito tempo imobilizados num sistema de crenças sem que suceda algo que mostre a rigidez da nossa posição. Não há que esquecer que Úrano pode ser obstinado, mas também é inconstante.


  

1 comentário:

  1. Oi gostei do blog. Veja as previsões de Aline, da Cidade das Pirâmides, para o ano de 2014. https://www.youtube.com/watch?v=6v_iFO6_dyc Abçs

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...