domingo, 10 de março de 2013

TRÂNSITO DE ÚRANO PELA CASA 8




A necessidade de proximidade e intimidade com outras pessoas é um dos nossos impulsos primários. Quando bebés, a nossa vida depende de que a nossa mãe nos ame, nos alimente e nos cuide. Depois, já adultos, podemos provavelmente sobreviver sós, mas ainda procuramos a nossa realização por meio do amor e das relações. A Casa 7 descreve bastante bem o que encontramos nas nossas relações com outras pessoas, mas a Casa 8 vai um passo mais além e expressa como somos em situações de intimidade, que é o que ocorre por trás das portas fechadas. A Casa 8 indica que tipo de intercâmbio se produz entre nós e  outra pessoa, que é o que damos e recebemos numa relação.
Isto pode significar dinheiro, finanças e recursos partilhados, mas também pode referir-se à classe de emoções e de sentimentos que vão e vêem entre nós e aqueles com quem mantemos uma relação de intimidade. Quando Úrano transita pela Casa 8, experimentamos mudanças e perturbações nesta esfera da vida.
A situação financeira do nosso companheiro (a) pode alterar-se durante este trânsito: um negócio que de repente começa a funcionar bem, ou uma quantia de dinheiro que chega inesperadamente; mas também pode chegar um revés financeiro e ver-se afetada, como consequência disso, a nossa própria segurança. Como irão as coisas dependerá não só do tipo de aspetos que Úrano forme com outros planetas no nosso mapa durante o seu trânsito pela Casa 8, mas também com o que esteja sucedendo no mapa natal do nosso par.
Este trânsito também pode indicar que embarcamos numa nova parceria comercial ou financeira, ou mudanças nas relações desse género já existentes. Insisto que devem ser levados em conta os aspetos que Úrano vá fazendo. Se os aspetos que fizer com outros planetas forem harmoniosos, é provável que as nossas mudanças de negócios ou financeiras sejam favoráveis, mas se os aspetos que fizer forem difíceis, as mudanças que se produzem nesta época seguramente serão mais problemáticas e perturbadoras, e mais incertas as suas consequências positivas.
No entanto, o dinheiro e os recurso materiais não são as únicas coisas que as pessoas compartilham. Durante este trânsito a nossa vida pode tornar-se fortemente afetada pelas mudanças emocionais ou psicológicas que experimentamos, nós e o nosso companheiro (a). Uma cliente veio pedir-me uma leitura enquanto tinha Úrano em trânsito pela casa 8. Durante este período, o marido, que era jornalista, esteve uma larga temporada sem trabalho, e por conseguinte passando muito mais tempo em casa do que era habitual. Em resultado disto sentia-se cada vez mais inquieto, melancólico e deprimido, e era muito difícil conviver com ele.  O trânsito de Úrano pela casa 8 desta mulher refletia as mudanças na situação do seu marido e colocou em movimento coisas que dificultaram e puseram à prova a relação.
De forma semelhante ao trânsito pela Casa 4, também quando Úrano transita pela Casa 8 pede-nos que examinemos aspetos ocultos de nós mesmos. Os problemas que neste momento surgem entre nós e os outros revelam esquemas e complexos profundamente arreigados na infância (ou, para quem creia na teoria do karma e da reencarnação, nas nossas vidas passadas). Se na sua infância a sua mãe o afastou em repetidas ocasiões quando lhe estendia os braços, o leitor terá chegado a certas conclusões sobre a vida e sobre si mesmo. Talvez creia que é indigno e não merece que o amem. Pode ter ficado com a ideia de que cada vez que pede algo que necessita, a resposta será uma rejeição. Talvez tenha já tentado amortecer a dor da rejeição, dizendo que na realidade, não necessita de ninguém. Mas, mais tarde, durante a sua vida, descobre que tem um acesso de raiva como uma criança, cada vez que alguém não pode satisfazer uma exigência sua. Quando transita pela Casa 8, Úrano vai deixando a descoberto este tipo de complexos, guiões ou enunciados vitais profundamente arreigados.
A Casa 8 é o lugar do mapa onde aprendemos a fundir-nos mais intimamente com outra pessoa; donde morremos como "eu" para renascer como "nós". O ato sexual é a expressão física e a máxima aproximação ao que sucede quando duas pessoas se reúnem para se unir.
Quando Úrano transita pela Casa 8 temos ocasião de nos abrirmos aos outros de formas que nunca o fizemos antes. Se, por exemplo, tivermos dificuldade para nos expressar sexualmente ou para nos "soltarmos" totalmente com outra pessoa, esta época pode marcar uma mudança decisiva. É provável que os casados tenham agora nova vida no seu relacionamento sexual, mas seja qual for a nossa situação - casados ou solteiros - pode suceder que conheçamos alguém que amplie o nosso horizonte sexual.
A Casa 8 não só faz referência aos valores das outras pessoas, mas também tem a ver com a morte, e quando Úrano se move através dela é provável  que a nossa condição mortal se converta em problema para nós. Em alguns casos, pode dar-se a experiência da morte, (talvez súbita ou inesperada) de alguém próximo a nós, e isso tende a despertar-nos a consciência de nossa própria mortalidade e da brevidade da vida. Pode ser que comecemos  a interessar-nos pelo estudo da morte ou da filosofia do karma e da reencarnação. Ou ainda, motivados pelo desejo de entender as leis e as forças ocultas que atuam na vida, o nosso interesse talvez se oriente para direções menos convencionais, para o ocultismo ou a magia; como sucede sempre com Úrano, precisamos de manter qualquer excentricidade ou extremismo. Também é possível que neste trânsito receba alguma herança.
Deixo agora um resumo mais generalizado deste trânsito de Úrano, pois acho que me alarguei um pouco na parte da explicação da Casa 8:
Aceitamos o desafio de uma transformação profunda. Vamos agir e reformar, para nos convertermos no que verdadeiramente somos. Abrem-se novos caminhos diante de nós em todas as áreas e vamos explorá-los livres dos nosso velhos preconceitos. A nossa criatividade expande-se. Este vento novo sopra também no âmbito dos negócios e sobre as nossas relações dentro de um grupo. É um momento propício para a entrada de dinheiro inesperado (herança, jogo etc), que nos liberta das nossas penúrias financeiras. Pode ser, por exemplo, o momento de solicitarmos um empréstimo ao nosso banco.
No aspeto dissonante: Corremos o risco de pagarmos a conta de uma má gestão. No plano pessoal, a falta de motivação pode expressar uma motivação necessária. Façamos uma análise séria de como somos, sem nos deixarmos levar pela utopia e as extravagâncias, para podermos progredir verdadeiramente. Evitemos as imprudências em asa delta, automóvel ou avião, sobretudo se Úrano formar aspeto dissonante com o Sol, Lua, ou Mercúrio.

3 comentários:

  1. Oi Adelaide, bom dia.
    Desde 2010 estou com trânsito de Urano na casa 08.
    É isto mesmo amiga,por enquanto este Urano me fez enfrentar situações vivenciadas na infância. Foi um período duro, de muito nervosismo , brigas e sentimento de rejeição.
    Obrigada pelas suas palavras.
    abs

    ResponderEliminar
  2. Sónia,

    Grata pelas suas palavras. Por vezes são certos momentos na vida que nos fazem perceber a influência dos astros. Ambas sabemos que a astrologia é isto mesmo.

    Abraço

    ResponderEliminar
  3. Ai meu Deus to nesse trânsito urano na casa 8 em quadratura com o sol e plutao em capricórnio pensa ... esse ano meu pai resolveu me procurar depois de mais de trinta anos será que será esse aspecto que pretende mudar me transformar.

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...